Created with Snap
Personalização de veículos: 5 dicas para atender às leis

Personalização de veículos: 5 dicas para sua frota corporativa

A personalização de veículos é uma ferramenta muito utilizada por empresas que buscam padronizar sua frota e fortalecer a divulgação de sua marca. São muitas as possibilidades de customização automotiva que, quando aplicadas de forma correta, tornam-se um grande diferencial para o negócio.

Entretanto, as possíveis alterações a serem feitas podem causar bastante dúvida, até mesmo nos gestores de frotas. É preciso estar atento e garantir que sua frota esteja dentro das normas que estabelecem os diversos tipos de modificações veiculares.

Por isso, mostraremos neste artigo 5 dicas para que você faça a personalização de veículos da frota atendendo às respectivas leis e normas de trânsito. Confira!

Solicite a autorização do Detran para a personalização de veículos

A primeira coisa a se fazer é desenvolver um planejamento para a personalização que você deseja realizar. Coloque tudo no papel e, em seguida, verifique quais os tipos de modificações que necessitam de autorização do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) do seu estado.

A documentação de cada veículo é como a sua identidade. Nela, o Detran detalha várias informações que servem para controle do órgão regulamentador e até mesmo sua própria segurança em caso de furto ou roubo. Por isso, certas modificações podem exigir uma autorização ou modificação do documento.

O artigo 98 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) diz que “Nenhum proprietário ou responsável poderá, sem prévia autorização da autoridade competente, fazer ou ordenar que sejam feitas no veículo modificações de suas características de fábrica”. Ainda segundo o CTB, conduzir veículos modificados sem a autorização e a respectiva documentação pode acarretar multa de R$ 127,69 e cinco pontos na carteira de habilitação.

Leia também:  Carro blindado corporativo: investimento em segurança

A melhor forma de evitar imprevistos é ir diretamente ao Detran e solicitar a autorização para as modificações que deseja realizar. Com esse documento em mãos, você pode prosseguir com o processo — mas em caso de modificação mecânica, por exemplo, será preciso voltar ao Detran, no final do processo, para retirar o número do CSV do veículo, além do registro de licenciamento.

Fique atento às regras para mudança de cor

Regras para mudança de cor

Além do uso de adesivos, uma das principais formas de modificação de veículos é a pintura ou envelopamento em vinil adesivo com impressão digital ou cores diferentes das originais.

Entretanto, é preciso estar atento: se a personalização envolver uma alteração da cor em mais de 50% da superfície do automóvel, é preciso alterar o documento do carro contendo esta nova informação.

Planeje bem o envelopamento

O envelopamento pode deixar os veículos com a cara de sua empresa, se for bem utilizado. Entretanto, como foi dito na dica anterior, é preciso estar atento à documentação. Caso as cores do automóvel e do envelope sejam diferentes, é preciso solicitar autorização do Detran. Se forem cores iguais não é preciso autorização para envelopar o veículo.

Por isso, você pode planejar uma customização veicular com cobertura parcial, para que a área modificada some menos do que 50% de sua superfície. Desta forma, é possível gastar menos com a personalização de veículos da sua frota e ainda poupa trabalho para regularizar e modificar a documentação de cada veículo.

Adesivos na personalização de veículos

Adesivos na personalização de veículos

Inserir adesivos pode ser uma forma mais barata de personalização e, em geral, a mais viável para adicionar informações sobre a empresa. Mas vale a pena estar atento a alguns detalhes:

Leia também:  Coronavírus: como preservar a saúde dos seus colaboradores

Lembre-se de observar a qualidade do material e da impressão, para que os adesivos sejam bonitos e legíveis, facilitando ainda o momento da retirada dos adesivos, agilizando o processo sem danificar a pintura da lataria.

No caso de adesivo vinílico, prefira os específicos para superfícies automotivas, independentemente do seu maior custo, pelos mesmos motivos. Já os profissionais que vão aplicar ou retirar esses adesivos precisam ser especializados neste tipo de trabalho, para preservar tanto a pintura dos veículos quanto a qualidade dos decalques.

Cuidado com modificações mecânicas

Não é uma das solicitações mais comuns em frotas de veículos, mas algumas empresas acham interessante modificar a mecânica do veículo para chamar mais atenção ou promover eventos específicos. Tenha cuidado!

Muitas alterações precisam de autorização especial do Detran e o veículo deve passar por oficinas credenciadas do INMETRO para ser feita uma vistoria de segurança.

Sempre é bom lembrar que, quando a empresa opta por terceirizar sua frota, a própria locadora se encarrega de customizar a frota do cliente de acordo com suas necessidades. A personalização de veículos é uma ferramenta muito útil para divulgar sua marca e ajuda a sua frota alcançar seus objetivos traçados pela empresa. Siga essas dicas e faça bom uso dela!

Quer saber mais sobre assuntos como a personalização de veículos e muito mais sobre a gestão de frotas corporativas? Então siga as nossas redes sociais para ficar sabendo sobre nossas publicações em primeira mão!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

você também pode gostar de:

© 2021 Unidas Frotas. Vamos juntos. - Todos os direitos reservados