Created with Snap
feedback

7 dicas de como dar um bom feedback para os colaboradores

Se você quer aperfeiçoar os pontos fortes dos colaboradores de sua empresa, assim como orientar a equipe sobre os aspectos que precisam ser melhorados, dar feedback de maneira eficiente é muito importante.

O problema é que muitos gestores não entendem a importância de um bom feedback, e, quando arriscam colocá-lo em prática, fazem isso de maneira incorreta. Você não quer ser esse profissional, certo?

Por isso, continue com a gente e confira, neste post, qual é a importância do feedback e as 7 melhores dicas para fazer um assertivo e de qualidade às pessoas que trabalham ao seu lado. Boa leitura!

Afinal, qual é a importância do feedback?

Quando bem executado, o principal resultado proporcionado pelo feedback é o aumento do desempenho dos colaboradores. Afinal, eles se sentirão mais valorizados e motivados, tornando-se mais seguros para realizar suas atividades, inovar e otimizar o trabalho. A prática do feedback também vai ajudar você a:

  • identificar os pontos fortes e fracos da equipe, evidenciando tanto as qualidades e o que está funcionando, quanto as falhas e o que precisa ser melhorado;
  • incentivar o profissional a continuar aprendendo e se especializando para crescer ainda mais e melhorar seus resultados;
  • aumentar a comunicação e a interação entre os líderes e os colaboradores, promovendo momentos de alinhamento sobre questões relevantes ao trabalho;
  • fazer com que o colaborador tenha uma sensação de pertencimento e utilidade do negócio, já que ele perceberá que suas ações podem contribuir para o sucesso da empresa.
Leia também:  Luzes de alerta do painel: aprenda o que elas sinalizam!

feedback

Como dar bons feedbacks?

Para que a conversa tenha os efeitos desejados, é essencial que o feedback seja feito de maneira construtiva. Da mesma forma, o modo como esse retorno é passado aos colaboradores também é muito importante e vai impactar diretamente em sua eficácia ou não.

Mas não precisa preocupar-se – separamos, a seguir, as 7 melhores dicas para dar bons feedbacks para os colaboradores. Acompanhe!

1. Crie um roteiro antes da conversa

O primeiro passo dessa jornada é fazer um pequeno roteiro com todos os pontos a serem abordados no feedback. Como essa conversa é muito importante para o desenvolvimento profissional do colaborador, ela nunca deve ser feita no improviso. Portanto, levante os tópicos importantes e, inclusive, as possíveis respostas no caso de a pessoa levantar alguma objeção.

2. Apresente um resumo sobre o que vai falar

Logo no início da conversa, a dica é passar ao colaborador um pequeno resumo sobre o que será conversado, para evitar que ele fique preocupado demais — já que muitas pessoas começam a tremer só de imaginar ter que conversar com um líder ou gestor.

Abordando os pontos principais do feedback no começo da conversa, o funcionário vai perceber que se trata de uma conversa construtiva, cujo objetivo é destacar sua atuação e o que ele precisa melhorar.

3. Comece pelos pontos fortes

Antes de partir para as críticas e orientações sobre o que o profissional precisa melhorar, uma boa dica é começar sempre pelos pontos fortes. Afinal, isso vai fazer com que ele receba melhor as más notícias quando elas vierem.

A ideia é, bem no início da conversa, listar todos os pontos em que o funcionário se destacada, que podem ser seu desempenho, sua habilidade, atitude, competência, e por aí vai. Só então deve vir alguma frase como: “mas você pode melhorar para continuar ajudando a empresa porque…”.

Leia também:  Como fazer cálculo de folha de pagamento corretamente? Descubra!

4. Seja sincero

É impossível dar um feedback e deixar a sinceridade de lado na conversa. Sabemos que apontar falhas de uma pessoa pode ser algo difícil, mas é essencial que isso seja feito. Contudo, a sinceridade deve ser acompanhada de sutileza e empatia, pois o profissional jamais deve sentir-se constrangido.

Na mesma linha, seja sincero também quanto às virtudes e qualidades do funcionário, reconhecendo esses pontos para fortalecer a relação entre vocês.

5. Mantenha o respeito

Muitos gestores acabam pecando nesse ponto, pois dão o feedback imediatamente após um erro ou equívoco cometido pelo colaborador, momento em que ele estará irritado. Lembre-se: nunca dê um feedback de correção em uma hora de estresse.

É imprescindível que, ao longo de toda a conversa, você mantenha o respeito e a calma, pois vai estar ali não para criticar a pessoa, mas para levantar pontos positivos e negativos e de como ela pode melhorá-los. Assim, atue como um líder e baseie todos os comentários no desenvolvimento pessoal do profissional.

Não é incomum que uma pessoa reaja mal frente a um ponto negativo apontado no feedback, mas, mesmo que ela apresente esse comportamento, você nunca deve deixar o respeito de lado.

6. Escute e tenha a mente aberta

O feedback é uma conversa, portanto, é um momento em que ambos os lados devem falar e ouvir-se. Se você apenas falar e não se preocupar em escutar o colaborador, com certeza, o feedback não terá os resultados esperados, pois a pessoa dificilmente se sentirá valorizada.

Dessa forma, jamais empregue uma comunicação unilateral e esteja sempre pronto a ouvir o outro lado. Também é importante que você se mostre aberto para trocar ideias, pois isso é necessário para entender se existem outros fatores que podem estar contribuindo para um mau desempenho, por exemplo.

Leia também:  Liderança empresarial: como o RH pode prepará-la de forma estratégica?

7. Use dados reais como exemplo

Por fim, não se esqueça de reforçar sua fala com dados reais e exemplos concretos, pois, apenas assim, o colaborador entenderá na prática a importância de aperfeiçoar ou melhorar uma tarefa.

Imagine um funcionário de uma loja de peças de carros, por exemplo, que chega atrasado todos os dias. Na conversa, o gestor pode dizer que os atrasos comprometem as vendas e, ao fim do mês, resultam em uma queda de X% nos resultados, entre outras informações. Um líder de sucesso é aquele que sabe dar feedback construtivo e eficaz, método essencial para garantir que a equipe fique motivada, produtiva e tenha um bom desempenho.

Após conferir o nosso post, você tem as melhores dicas em mãos e está pronto para dar bons feedbacks com eficiência e assertividade!

Se você gostou do nosso conteúdo, não deixe de compartilhá-lo em suas redes sociais. Assim, você vai ajudar os seus amigos a também conhecerem as melhores dicas para dar um bom feedback!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

você também pode gostar de:

© 2022 Unidas Frotas. Vamos juntos. - Todos os direitos reservados